APEOESP - Logotipo
Sindicato dos Professores

FILIADO À CNTE E CUT

Acessar Cadastre-se

ACONTECE NA SUBSEDE

Redes Sociais Twitter YouTube RSS

Compartilhe: Imprimir

Voltar

Seg, 25 de Agosto 2014 - 16:44

Apeoesp cobra falta de material em escolas

Sindicato questiona ausência de itens básicos nas unidades desde início do ano

Por: Jornal de Limeira - 24.08 - Ligia Zampar

A Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo) protocolou na sexta-feira um ofício na Secretaria de Educação questionando o município sobre a falta de material escolar na rede municipal de ensino. Conforme o coordenador do sindicato, Edivaldo Mendes da Costa, a entidade já havia falado sobre esse problema com o Executivo, inclusive em reuniões com diretores de escolas e com funcionários da secretaria. "A Apeoesp já havia alertado sobre o problema, mas encaminhamos o ofício realmente para oficializar, assim o sindicato tem respaldo porque sempre conversamos sobre isso", disse Costa.

O Jornal de Limeira entrou em contato com algumas escolas municipais, e, a pedido dos funcionários, não citará as unidades escolares ou o nome dos servidores que conversaram com a reportagem. Em algumas escolas, não há material básico, como caderno, borracha, lápis de cor e grafite, cola e papel sulfite, e os próprios pais e professores realizam doações ou eventos para arrecadar dinheiro para a compra dos produtos. "Desde o começo do ano, compramos material com verba da própria escola, fazemos almoço, rifas, recebemos doações de professoras. Os alunos não estão sendo prejudicados porque não permitimos que falte material", disse uma funcionária.
Em outra unidade, além de material escolar, faltam produtos de limpeza e outros itens usados na cozinha para a preparação da merenda. "Não tem bobina com saco plástico para armazenar verduras, álcool, toucas para as merendeiras, bacias e vasilhas há pelo menos quatro meses", comenta uma servidora. No mês de junho, nessa escola, foram pedidos vários itens à Secretaria de Educação, mas ainda não foram entregues caderno para desenho, cola, envelope, massinha de modelar, papel color set, papel crepom, lápis de cor e grafite, vários tipos de pasta, pistola e cola quente, placa de EVA, tinta guache e pintura a dedo. "Há outras coisas que, como sabemos que não tem, nem pedimos", disse.
Em uma terceira escola ouvida pelo Jornal de Limeira, foi informado que o material é encaminhado à unidade, mas não na quantidade necessária para suprir a demanda. "Lápis de cor, por exemplo, ainda está em falta. Fomos informados em uma reunião que neste semestre receberíamos o material, mas até agora, não recebemos", afirmou uma funcionária.

MATERIAIS PEDIDOS

A Secretaria de Educação informou que no mês de agosto, os materiais solicitados pelas unidades escolares já foram entregues. Ainda segundo a pasta, no dia primeiro deste mês, foram formalizados os pedidos das atas de registro de 11 contratos de material escolar, que deverão chegar até o final deste mês, e, então, serão disponibilizados para as escolas em setembro. "A requisição total contempla 188 itens, dos quais seis (canetas para retroprojetor, pasta plástica, fita adesiva, estojo aquarela e lápis de cor) serão fornecidos pelos segundos colocados nas licitações. Assim que os segundos colocados assinarem os contratos, deverão ser feitos os pedidos", finaliza a nota.
Em relação ao ofício da Apeoesp, a secretaria informou que os requerimentos são recebidos no final do expediente e que o gabinete analisará quais as informações solicitadas e distribuirá aos setores responsáveis pelo levantamento dos questionamentos.

Topo

APEOESP - Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo - Praça da República, 282 - CEP: 01045-000 - São Paulo SP - Fone: (11) 3350-6000
© Copyright APEOESP 2002/2011