APEOESP - Logotipo
Sindicato dos Professores

FILIADO À CNTE E CUT

Acessar Cadastre-se

ACONTECE NA SUBSEDE

Redes Sociais Twitter YouTube RSS

Compartilhe: Imprimir

Voltar

Ter, 14 de Fevereiro 2017 - 22:22

Falta de merenda em escola de Nova Odessa gera reclamações de alunos

De acordo com estudantes, está sendo apenas servido biscoito e leite. Diretoria de Ensino diz que dará início a contratação do serviço de preparo.

Por: G1 - 09.02

 
Alunos da escola estadual Geraldo Ribeiro de Nova Odessa (SP) estão reclamando sobre a falta de merenda na unidade. De acordo com alunos do primeiro ano do ensino médio, desde que retornaram às aulas, na última quinta-feira (2), a escola tem substituído refeições por biscoitos e leite com achocolatado em pó.
 
Os professores da escola tem dito aos estudantes, segundo uma aluna ouvida pelo G1,  só será fornecida novamente refeições depois do dia 17 de março. “Estou passando fome, leite com bolacha não é o suficiente para me alimentar, disse a adolescente  de 14 anos.
 
Diretoria de Ensino
 
Em nota, a Diretoria Regional de Ensino de Americana diz que, com a desistência do convênio por parte da Prefeitura de Nova Odessa para a oferta de merenda para alunos da rede estadual de ensino no fim do ano passado, a administração precisou dar início à licitação para a contratação do serviço de preparo da alimentação escolar.
 
De acordo com o comunicado, os alimentos já estão sendo enviados às escolas e são gerenciados pela  Secretaria de Educação do Estado e que até o momento, mais de 640 quilos já foram entregues e as escolas receberão uma verba adicional de R$ 8,4 mil para a compra de alimentos frescos.
 
A Diretoria de Ensino ainda argumenta que como a licitação precisa seguir os prazos e trâmites legais, os estudantes continuarão recebendo merenda não manipulada até que o processo seja concluído. Esta alimentação conta com um cardápio formado por lanches, frutas, barra de cereais, suco e achocolatado, que são itens que não precisam de cozimento.
 
No entanto, o comunicado não diz quando a situação será regularizada e também não informa se outras unidades da rede estadual da cidade também estão com o mesmo problema.
 
Prefeitura
 
A Prefeitura de Nova Odessa disse que a alimentação dos alunos da rede estadual é de responsabilidade do governo do estado e, portanto, não é uma obrigação do município. Contudo, até o ano passado, a Prefeitura fornecia a merenda escolar para as escolas estaduais por meio de um convênio com o Governo do Estado.
 
Ainda segundo a administração, o cancelamento convênio ocorreu devido da queda de arrecadação, já que com a limitação financeira, o município não mais pôde arcar com despesas extras e correr o risco de não ter como garantir a merenda dos alunos da rede municipal, que são de sua responsabilidade.
 
E por fim, a Prefeitura afirma que a Secretaria de Educação informou que fez a primeira comunicação à Diretoria Regional de Ensino de Americana sobre o cancelamento da merenda em novembro do ano passado, atendendo a uma solicitação da própria diretoria que informava estar fazendo o questionamento naquela data por conta de seu planejamento para o próximo ano.
 
Outros casos
 
Mas não é apenas em Nova Odessa que há problemas com a merenda, em Monte Mor (SP), na região de Campinas, o fim do convênio da Prefeitura  com o governo de São Paulo deixou alunos das escolas estaduais sem merenda. Alguns têm levado marmita para estudar.
 
"Agora está repetitivo, não tem almoço mais. No intervalo, tem leite e bolacha. Para quem estuda o dia inteiro é difícil, tem que trazer de casa. A gente espera que melhore, mas não deram previsão", disse a estudante Natália Schiovon, de 17 anos.
Topo

APEOESP - Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo - Praça da República, 282 - CEP: 01045-000 - São Paulo SP - Fone: (11) 3350-6000
© Copyright APEOESP 2002/2011