APEOESP - Logotipo
Sindicato dos Professores

FILIADO À CNTE E CUT

Acessar Cadastre-se

ACONTECE NA SUBSEDE

Redes Sociais Twitter YouTube RSS

Compartilhe: Imprimir

Voltar

Ter, 04 de Setembro 2018 - 18:05

Servidores do Estado protestam por melhorias no sistema de saúde, em Santos

Por: G1 - 03.09

 
Manifestação aconteceu em frente ao Ceama, nesta segunda-feira (3).
 
Os servidores públicos estaduais se reuniram, na manhã nesta segunda-feira (3), em frente ao Centro de Atendimento Médico-Ambulatorial (Ceama) de Santos, no litoral de São Paulo, para reivindicar melhorias no Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual (Iamspe).
 
O protesto teve apoio das seguintes entidades: Assojubs, SintraJus, SInpolsan, AFPESP, o APEOESP,APAMPESP, SIFUSPESP, Afuse, CPP e Capesp. Os funcionários dizem que sofrem há anos pela falta de um atendimento de qualidade, sobretudo, na Baixada Santista. Normalmente, os funcionários são obrigados a ir para São Paulo em busca de um hospital ou arcar com as despesas de consultas e internações.
 
Para reverter essa situação, os servidores se reuniram para lutar por melhorias no Instituto de Assistência Médica do Servidor Público do Estado de São Paulo (Iamspe), como a contrapartida de 2% pelo governo para o orçamento anual do plano.
 
"Além desse repasse de 2%, que não chega ao Iamspe, pedimos também a participação na escolha do superintendente, inclusão dos servidores titulares arrependidos e seus agregados, transporte da Baixada Santista para o Hospital do Servidor Público Estadual, hospital regional próprio na Baixada Santista e outras reivindicações que visam fortalecer o Iamspe na região e melhorar o atendimento", explica o presidente da Assojubs, coordenador do Sintrajus, Michel Iorio Gonçalves.
 
Por meio de nota, o Iamspe informou que as nove cidades da Baixada Santista possuem atendimento do órgão. "Os servidores da região contam com mais de cem serviços médicos entre clínicas, laboratórios de análise e de imagem, além dos hospitais Beneficência Portuguesa e Frei Galvão", declarou.
 
Segundo informações oficiais do Iamspe, no primeiro semestre de 2018 foram realizadas 42,6 mil consultas, 262 internações e 159,3 mil nas cidades da região. "O Governo do Estado segue aberto ao diálogo para buscar alternativas a fim de ampliar ainda mais os serviços oferecidos aos usuários", afirma.
Topo

APEOESP - Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo - Praça da República, 282 - CEP: 01045-000 - São Paulo SP - Fone: (11) 3350-6000
© Copyright APEOESP 2002/2011