APEOESP - Logotipo
Sindicato dos Professores

FILIADO À CNTE E CUT

Acessar Cadastre-se

Publicações

Redes Sociais Twitter YouTube RSS
Observatório da Violência

Observatório da Violência

Compartilhe: Imprimir

Voltar

Qua, 05 de Fevereiro 2014 - 18:03

Depredação, tráfico e som alto preocupam pais de estudantes no Grajaú

Já na primeira semana do início do ano letivo, estudantes e professores da EE Samuel Wainer e EE Adelaide Rosa, localizadas no Grajaú, na zona sul da capital, tiveram que enfrentar o som alto dos chamados 'pancadões', muito empurra empurra e até vendedores de drogas para entrar na escola, a partir das 19h00.

Segundo pais de alunos, as escolas estão localizadas no entorno do Conjunto Habitacional Brigadeiro Faria Lima. "São cinco escolas muito próximas e não há policiamento. As pessoas pulam os muros e invadem as escolas quando querem", conta o pai de dois estudantes.

A diretoria da escola aciona a ronda escolar quando ocorrem conflitos mais graves. "Fomos informados que no ano passado, alunos entravam armados na sala de aula, havia tráfico e depredação. Até o portão de entrada de uma das escolas já foi quebrado", lamenta o pai, que, temeroso, leva pessoalmente seus filhos à entrada das escolas.

Desesperados por uma solução, pais de estudantes matriculados no período noturno prometem enviar e-mails e cartas para o secretário de Segurança Pública e para o Palácio dos Bandeirantes, com pedido de reforço da ronda escolar e outras medidas para reduzir a insegurança da comunidade escolar.

Por: Ana Maria Lopes

Topo

APEOESP - Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo - Praça da República, 282 - CEP: 01045-000 - São Paulo SP - Fone: (11) 3350-6000
© Copyright APEOESP 2002/2011