APEOESP - Logotipo
Sindicato dos Professores

FILIADO À CNTE E CUT

Acessar Cadastre-se

Publicações

Redes Sociais Twitter YouTube RSS
Observatório da Violência

Observatório da Violência

Compartilhe: Imprimir

Voltar

Seg, 08 de Abril 2013 - 14:13

Escolas estaduais são invadidas e incendiadas; aulas são suspensas

Duas escolas localizadas nos extremos da cidade de São Paulo enfrentam a banalização da violência.

A EE Célia Ribeiro Landim, no Itaim Paulista, foi danificada por um incêndio iniciado na caixa de disjuntores. Os professores acreditam que o incêndio tenha ocorrido durante uma invasão à escola, no Feriado da Páscoa.

Do outro lado da cidade, no Capão Redondo (periferia da zona sul), a EE Feitiço da Vila tem sido invadida e depredada sucessivamente desde o dia 27 de março. Na última das quatro invasões, um andar do prédio escolar foi inundado por água de um hidrante estourado; enquanto o outro foi coberto de lixo e areia.

"Há suspeitas de a escola esteja sendo invadida por alunos empenhados em aterrorizar os professores, que estão realmente muito assustados", conta uma professora que não quis se identificar, mas revelou ainda que há problemas com o pagamento de salários e vale-transporte dos educadores.

Apesar de ter sido inaugurada há apenas dois anos, a EE Feitiço da Vila tem uma estrutura precária, com poucos funcionários, material didático escasso. Depois da última invasão, a escola ficou até sem telefone.

Sem condições mínimas de receber os estudantes, a escola teve que ser fechada entre os dias 27 de março e 2 de abril. A EE Célia Ribeiro Landim também teve as aulas suspensas, no início de abril, por conta das depredações.

Topo

APEOESP - Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo - Praça da República, 282 - CEP: 01045-000 - São Paulo SP - Fone: (11) 3350-6000
© Copyright APEOESP 2002/2011