APEOESP - Logotipo
Sindicato dos Professores

FILIADO À CNTE E CUT

Acessar Cadastre-se

Publicações

Redes Sociais Twitter YouTube RSS
Observatório da Violência

Observatório da Violência

Compartilhe: Imprimir

Voltar

Seg, 28 de Março 2016 - 15:19

Vídeo mostra briga entre adolescentes na saída de escola

Agressão aconteceu em praça de Santa Cruz do Rio Pardo (SP). Jovem diz que era ameaçada desde janeiro; polícia investiga o caso.

 

Uma briga entre estudantes de duas escolas estaduais chamou a atenção de Santa Cruz do Rio Pardo (SP) pela violência. A briga aconteceu na terça-feira (22), mas um vídeo gravado por outro estudante foi divulgado na noite de quinta-feira (24) nas redes sociais. O caso vai ser investigado pela Delegacia de Defesa da Mulher (DDM).

Na imagem é possível ver uma das meninas desferindo socos, empurrões e chutes na colega, que ainda está cheia de machucados. A menina, de 14 anos, que prefere não se identificar, conta que foi agredida na praça em frente às escolas onde estudam, quando ela aguardava a van escolar. “Ela me puxou, me deu murros, me jogou no chão e ninguém separou.”

A menina conta que estava sendo ameaçada desde janeiro deste ano porque saiu com o ex-namorado da irmã da estudante que a agrediu. “As ameaças começaram em janeiro porque ela não ia com a minha cara e a irmã dela mandou ela bater em mim porque eu sai com um ex dela”, conta.

A mãe da menina que apanhou registrou boletim de ocorrência e levou a filha em um aunidade de saúde para fazer corpo de delito. “Não tive coragem de ver. Vi o começo e já fiquei nervosa”, conta a mãe. Além da polícia, o Conselho Tutelar também acompanha o caso.

A mulher ainda pediu para que a diretora da escola Sinharinha Camarinha transferisse a menina de horário, mas a direção disse que não tinha vaga. O Conselho Tutelar disse à mãe que ia solicitar uma vaga. “Eu não quero que as duas se encontrem mais porque ela continua ameaçando. Eu que alguém faça alguma coisa para que não aconteça com mais ninguém”, afirma a mãe.

Segundo a Diretoria Regional de Ensino, as diretoras das duas escolas vão chamar os responsáveis das meninas para conversar. A adolescente que aparece no vídeo agredindo a colega estuda na escola Leônidas do Amaral Vieira e levou suspensão de dois dias. A produção da TV TEM tentou falar com a outra menina envolvida, mas não foi possível falar com ela ou os pais.

Topo

APEOESP - Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo - Praça da República, 282 - CEP: 01045-000 - São Paulo SP - Fone: (11) 3350-6000
© Copyright APEOESP 2002/2011