APEOESP - Logotipo
Sindicato dos Professores

FILIADO À CNTE E CUT

Acessar Cadastre-se

Teses e Dissertação

Redes Sociais Twitter YouTube RSS

Compartilhe: Imprimir

Voltar

Sex, 21 de Agosto 2020 - 20:58

Alfabetização científica em Geografia é tema de mestrado na Unifesp

Por: Ana Maria Lopes


Os oito anos de trabalho em uma escola pública localizada em Itaquaquecetuba, município da Grande São Paulo, inspiraram o professor Gildo Gomes da Silva a realizar uma pesquisa que deu origem à dissertação de mestrado, apresentada na Universidade Federal de São Paulo, em 2019.

“Alfabetização Científica em Geografia: Uma análise da proposta curricular no município de Itaquaquecetuba” é o título do trabalho de 161 páginas que investiga como a abordagem da disciplina de Geografia no primeiro ciclo do Ensino Fundamental contribui para o processo de alfabetização e construção de conhecimentos significativos nesta área. A pesquisa foi orientada pela professora Jerusa Vilhena de Moraes, que lidera o grupo que estuda alfabetização científica na Unifesp.

“Eu percebi que alunos que já estavam no 6º ano do Ensino Fundamental tinham dificuldade de compreender análises simples de paisagens do entorno da escola, do lugar onde viviam, assim como mostravam pouca habilidade, até para comparar paisagens naturais e artificiais”, explica o professor.

Gildo Gomes partiu, então, para uma pesquisa qualitativa sobre a apropriação de conceitos básicos de Geografia, como paisagem, território, região, lugar e espaço, na proposta curricular do primeiro ciclo da disciplina.

A partir da pesquisa dos referenciais teóricos, o professor encontrou “algumas lacunas de ordem conceitual na proposta curricular de Geografia para o Ensino Fundamental do município de Itaquaquecetuba”.

“Há urgência de uma proposta pedagógica que garanta aos professores a possibilidade de construírem junto com os alunos uma prática científica para o ensino da Geografia”, defende Gildo Gomes.

O professor explica que a disciplina vem passando por reformulações didático-pedagógicas, com a aplicação de novas metodologias. Em sua dissertação, Gildo Gomes avaliou a proposta curricular da Secretaria Municipal de Educação de Itaquaquecetuba, nesta perspectiva dos novos referenciais teóricos para a Geografia.

O trabalho traz ainda propostas para atividades de campo, com o objetivo de alcançar e desenvolver habilidades e competências relacionadas à disciplina.

“Deve haver uma mudança de prática na escola, em relação à difusão de conteúdos voltados à aquisição de habilidades e competências necessárias para o exercício da cidadania”, ensina o professor, que atualmente dedica-se também a escrever artigos sobre estas práticas pedagógicas.

 

SERVIÇO: “Alfabetização Científica em Geografia: Uma análise da proposta curricular no município de Itaquaquecetuba”, de Gildo Gomes da Silva, está disponível para download no site do Programa de Pós-Graduação em Educação da Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Unifesp:

http://www.ppg.educacao.sites.unifesp.br/images/dissertacoes/2019/20.-Gildo-Gomes-da-Silva.pdf

 

Contatos com o professor, através do e-mail:

gildo@prof.educacao.sp.gov.br

 

Topo

APEOESP - Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo - Praça da República, 282 - CEP: 01045-000 - São Paulo SP - Fone: (11) 3350-6000
© Copyright APEOESP 2002/2011